Ícone do site Juridigital

Cartão de visita do advogado: o que pode, modelos e muito mais!

Cartão de visita do advogado

Muito antes de se falar em marketing jurídico, o cartão de visita do advogado já existia. Há tempos cumpre seu papel na prospecção de clientes na advocacia. Ainda hoje, é peça-chave no marketing para advogados. Mesmo em tempos de redes sociais e troca de @s, é um item indispensável. Todo profissional de advocacia interessado em se consolidar na carreira precisa de um cartão de visita.

Mas, o que pode ter no cartão? Qual modelo usar? Quais cores? As respostas de todas essas perguntas impactam em como será o cartão de visita. Portanto, é preciso tomar as melhores decisões em relação a cada detalhe.

Um bom começo é compreender o que diz o Código de Ética da OAB. O Código rege os recursos para advogados captar clientes na advocacia. Também não se pode esquecer de observar o que consta no Provimento 205/2021 da OAB.

Outra sugestão é fazer benchmarking. Cartões de visita de outros advogados são bons exemplos para inspirar. Torna mais fácil entender o que pode ter no cartão de visita do advogado. Também ajuda na elaboração de um modelo.

O que pode ter no cartão de visita do advogado

O cartão de visita do advogado atende a muitas finalidades. Mas uma das principais é networking. Além disso, ajuda a divulgar os serviços. Por muito tempo, o cartão foi uma das poucas peças de publicidade permitida pelo Código de ética da OAB. Embora não faça nenhuma menção específica a ele, o Art. 39 define:

Art. 39. A publicidade profissional do advogado tem caráter meramente informativo e deve primar pela discrição e sobriedade, não podendo configurar captação de clientela ou mercantilização da profissão.

Já no Provimento 94/2000 a OAB corrige, de certa forma, a ausência do cartão de visita como forma de publicidade. No Art. 3º, diz:

Art. 3º São meios lícitos de publicidade da advocacia:
a) a utilização de cartões de visita e de apresentação do escritório, contendo, exclusivamente, informações objetivas.

Vinte e um anos depois, a OAB atualizou as regras para publicidade na advocacia. Enfim, o Provimento 205/2021 deixou mais claras as normas para o uso de cartão de visita. Portanto, o que pode ter no cartão de visita do advogado é:

Mas a dúvida, agora, é: cabem todas essas informações no cartão de visita do advogado? Qual será o modelo ideal para causar a melhor impressão?

Modelo de cartão de visita do advogado

A primeira resposta é: não, não cabem todas essas informações no cartão de visita do advogado. Aliás, é um erro tentar incluir tantos dados em um espaço tão pequeno. Geralmente, um cartão de visita possui 9×5 cm. Portanto, as informações que constarão no cartão devem ser muito bem planejadas.

Sendo assim, esse é o momento de por em prática a sugestão de benchmarking. Observar as informações que outros advogados incluem em seus cartões de visitas pode ajudar a definir o que informar no espaço disponível do cartão.

O que será notado é que as principais informações de um cartão de visita são:

A definição do que irá constar no cartão de visita para escritório de advocacia é a resposta para a segunda pergunta. Afinal, o modelo ideal para causar a melhor impressão é aquele que atende aos interesses do profissional ou escritório e ao dos contatos.

Modelo básico de cartão de visita para advogado ou escritório de advocacia

O modelo mais básico de cartão de visita contém:

O mais comum é todas essas informações ocuparem apenas uma face do cartão de visitas do advogado.

Modelo de cartão de visita com site

Nem todo advogado ou escritório de advocacia possui um site. Então, a melhor opção para o cartão de visita acaba sendo o modelo básico. Já profissionais ou sociedades de advogados com uma página na internet, podem incluir essa informação no cartão.

Existem duas formas de fazer isso. Uma é escrever o site por extenso, junto ao número de telefone e e-mail. Outra é usar o novo recurso previsto no Provimento 205/2021 da OAB, ou seja, o QR CODE.

Qual das duas formas usar, é uma questão de estratégia. Escrever por extenso já deixa a informação à disposição. Por outro lado, a pessoa pode não se dispor a digitar tudo no navegador do celular. Nesse caso, o QR Code facilita, pois basta ler o código com a câmera do celular para colocar a página entre as favoritas.

Modelo de cartão de visita com QR Code

Embora o uso do QR Code já tenha sido citado, vale reforçar os usos que o código pode ter no cartão de visita do advogado. Por exemplo, a utilização do QR Code pode fazer parte da estratégia de marketing jurídico. Afinal, além de direcionar o contato para a home do site, pode levá-lo à página de conteúdos. Isso aumentará as visitas. Também permite a pessoa conhecer mais sobre a atuação do advogado, a partir dos conteúdos que escreve.

Outro uso para o QR Code é o direcionamento para o currículo do advogado. Com isso, o profissional tem a opção de apresentar aos contatos:

Por fim, mais um uso para o QR Code é informar a localização do escritório de advocacia. Mesmo que a informação esteja no site, é uma comodidade a pessoa saber onde está o advogado direto no celular.

Cores para o cartão de visita do advogado

Definido o modelo do cartão de visita do advogado, é o momento de pensar na estética. Quais serão as cores que destacarão as informações no cartão? O marketing para advogados trabalha para a personalização da marca. É diferente das ofertas de baixo custo que há na internet.

O ideal é o cartão seguir o padrão de marca do advogado ou escritório de advocacia. Esse padrão é criado para o profissional comunicar principalmente confiabilidade.

Toda a estratégia de marketing jurídico baseia-se no padrão da marca. Por isso, pensar as cores para o cartão de visita do advogado é tão importante. Afinal, o que constar no cartão também constará no site para advogados.

Uma recomendação é evitar exageros. O foco precisa ser no que realmente importa. Sendo assim, as cores não podem comprometer a legibilidade. Devem facilitar a compreensão.

Como escolher as cores do cartão

É comum as cores do cartão serem escolhidas de acordo com o gosto pessoal. Nesse caso, não custa observar o que diz a psicologia das cores a respeito de cada tom.

Azul

É a cor que transmite confiança. Está relacionada com a nobreza.

Verde

Representa a natureza. É associado ao sentimento de esperança.

Amarelo

Remete a luz e calor. Também usado para representar o otimismo.

Laranja

Pode significar sucesso e prosperidade.

Marrom

É a cor da terra. Expressa segurança e maturidade.

Cinza

É uma cor neutra. Usada para representar sofisticação.

Branco

Representa a clareza. Usada para atingir o equilíbrio.

Preto

É considerada uma cor sofisticada e elegante.

Mas não é recomendado optar pelas cores do cartão somente com esse conhecimento. Por isso, ter um profissional especializado em identidade visual pode ser a melhor ideia. Eles são preparados para traduzir uma conversa com o cliente em uma marca respeitada.

Conclusão

O cartão de visita do advogado cumpre um papel na prospecção de clientes na advocacia. É um item indispensável. Mesmo em tempos de redes sociais.

O Código de Ética da OAB, especialmente o Provimento 205/2021, define o que pode ter no cartão de visita.

Por muito tempo, a OAB permitia poucas peças de marketing para advogados. Uma delas era o cartão de visita. O Provimento esclareceu as normas para uso do cartão.

Mas será que podem ir todas as informações no cartão? Existe um modelo ideal?

Na verdade, o espaço é pequeno. Portanto, é melhor escolher o que é essencial colocar no cartão. Já o modelo ideal é o que atende aos diversos interesses. Tanto do profissional ou escritório quanto ao dos contatos.

Definido o modelo, é preciso pensar na estética. O ideal é o cartão ter as cores do padrão de marca do advogado ou escritório de advocacia. Toda a estratégia de marketing jurídico baseia-se no padrão da marca. Por isso, ter um profissional especializado em identidade visual pode ser a melhor ideia.

A Juidigital é especialista em marketing jurídico. Cria desde cartão de visita a site para advogados. Em uma conversa, entende e atende às demandas dos advogados. É possível entrar em contato pelo site para conhecer todos os serviços.

Sair da versão mobile