Facebook e Instagram: Sete dicas para fazer seu marketing jurídico de acordo com a OAB

Você é advogado e acredita que fazer marketing jurídico eficiente de acordo com a OAB é extremamente complicado? Se sim, calma, pode parecer que sim, mas não é. Confira neste conteúdo sete dicas para fazer seu marketing jurídico sem nenhum problema!

Utilizar as redes sociais sabiamente é um desafio para muitas empresas. Saiba que o marketing jurídico pode te auxiliar a alavancar a demanda do seu escritório com simples estratégias utilizadas nas mídias digitais mais conhecidas. Conheça como utilizar o alcance do Facebook e do instagram à seu favor, sem descumprir as regras da OAB.

No Brasil, as redes sociais mais utilizadas pelo público é, sem dúvida alguma o Facebook, seguido do Instagram. Pelo motivo dessas mídias serem tão consumidas pelo público, o marketing jurídico se tornou essencial de ser realizado nessas plataformas. O seu escritório de advocacia pode ganhar notoriedade somente pela divulgação nessas mídias.

O Facebook é útil pela sua notável expressão que têm na internet. Uma propaganda por lá pode alcançar milhares, e até milhões de pessoas. Já o Instagram tem o poder de influenciar no estilo de vida, estabelecimento de marcas e pesquisas de compras.

Todo esse potencial das redes sociais não podem ser desperdiçados. Veja como utilizá-las de uma maneira que, ao mesmo tempo irá conseguir uma maior demanda para o seu escritório, e não irá ferir o Código de Ética da Organização dos Advogados do Brasil, a OAB.

Faça um planejamento de sua estratégia em cada rede social

Saiba que tanto o Facebook quanto o Instagram possuem públicos diferentes. Muitos que usam uma das redes sociais não utilizam a outra, e vice versa. Assim, não faça um plano para utilizar nas duas mídias. Conheça o tipo de usuário que acessa cada uma, e assim, crie uma estratégia de divulgação específica para cada persona.

1. Tenho cuidado com as publicações

Planeje como será cada publicação, seja foto, vídeo ou texto. Uma linha do tempo bagunçada ou um feed confuso não atrai nenhum potencial cliente. Procure um profissional de marketing jurídico competente para auxiliá-lo em tudo o que precisar. Essa dica influencia demais, principalmente o Instagram, por ser uma rede que está totalmente envolvida pelo visual.

2. Crie um perfil comercial para a divulgação dos seus serviços

Nada de utilizar o seu perfil pessoal para adquirir clientes. Aprenda a separar a sua vida profissional. Não é nada agradável você fazer postagens divulgando o seu trabalho de advogado, e no fim de semana postar que está em uma balada com seus amigos. Tenha a certeza de que, se você fizer isso, muitos clientes nem entrarão em contato.

No Facebook, é possível criar uma página para que você propague os seus serviços. Assim, não será necessário depender do seu perfil pessoal. Já no Instagram, você tem a opção de criar um perfil comercial. A grande vantagem aqui é que você pode obter dados específicos, como qual é a melhor hora para você fazer postagens, dependendo da interação dos seus seguidores.

3. Ofereça conteúdo de qualidade

Um dos grandes erros de alguém que começa a executar as estratégias do marketing jurídico é dispensar um conteúdo de qualidade. E esse é um dos maiores enganos que um escritório pode cometer. Todas as táticas aqui descritas são para que o seu estabelecimento tenha mais alcance.

Você pode até aumentar a demanda do seu perfil e com isso conseguir mais consultas, mas isso logo acabará se as postagens não forem relevantes para o seu público.

4. Sempre faça postagens

Tenha uma frequência, seja uma vez por dia ou três vezes na semana. Não deixe de manter ativo o seu perfil, isso é essencial em todo marketing jurídico. É uma ótima opção utilizar ferramentas para verificar qual é o melhor horário para você fazer postagens.

5. Hashtags

Por mais que essa ferramenta tenha se popularizado no Instagram, hoje em dia é muito comum utilizá-las no Facebook. Isso desperta a atenção de consumidores distintos, pois é uma ótima garantia de que pessoas interessadas irão atrás do seu produto quando você utiliza nas hashtags alguma palavra-chave específica.

6. Interaja com o seu público

Apesar de ser uma regra fundamental para todo marketing jurídico bem sucedido, muitos não a utilizam ou possuem uma frequência de interação menor do que a desejada. A comunicação com o seu público é muito importante, pois o seu perfil ganha engajamento. Faça enquetes, peça comentários e produza um conteúdo dinâmico para que a interação seja proveitosa.

O marketing jurídico através do Facebook e Instagram é fundamental

Não se perca nos modos de propaganda do seu escritório de advocacia. Caso seja necessário, contrate uma equipe para gerenciar todos os perfis comerciais. Quanto maior a sua atividade nessas mídias, maior o engajamento. Consequentemente, a oferta de trabalho aumenta.

Utilize todos os meios disponíveis para que os seus serviços sejam divulgados com maestria. Assim, a procura pelo seu trabalho aumentará cada vez mais. Com uma alta demanda, seu escritório será mais reconhecido e você se firmará como um dos grandes profissionais no ramo em que está.

Fechar Menu